SECRETARIA DE PESCA DISTRIBUI 60 MIL ALEVINOS A AÇUDES DA ZONA RURAL

Uma importante contribuição para a manutenção de fonte de renda e de garantia da alimentação de famílias da zona rural foi dada pela Secretaria de Pesca. 60 mil alevinos da espécie Tilápia, foram distribuídos a 23 açudes públicos de 16 localidades de Banabuiú. O peixamento é fruto de uma parceria entre o Governo Municipal de Banabuiú e o Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria de Agricultura, Pesca e Aquicultura (Seapa).

O peixamento aconteceu na última semana. Toda a ação foi acompanhada pelo secretário de pesca de Banabuiú, Miguel Brasileiro. O secretário explicou que este foi o único peixamento realizado pela Seapa entre os municípios do Sertão Central e frisou que a iniciativa só aconteceu pela boa relação do Governo do Estado com o Município.

“Essa iniciativa se deve ao fortalecimento do município com o Governo do Estado. Outros municípios não conseguiram, apenas Banabuiú. E devemos esclarecer que essa articulação se concretizou por intermédio do prefeito Edinho Nobre”, declarou Miguel.

Os filhotes de alevinos foram distribuídos aos açudes das seguintes localidades: Logradouro, Boágua, Jiqui, Malacaxeta, Rinaré, Caiçarinha, Governo II, Bouqueirão, Itaperi, Grossos, Caraúbas, Jurema de Baixo, Várzea da Esmera, Panamá, Beira Rio e Ribeira. A distribuição dos 60 filhotes de peixe ocorreu de modo proporcional ao tamanho do açude. Miguel Brasileiro lembrou que a iniciativa vai trazer renda e garantir o alimento a centenas de famílias.

“São açudes públicos, de assentamentos. Então esses peixes vão estar disponíveis, no máximo até o final do ano, para que os moradores das localidades onde estão esses açudes, possam pescar e fazer o que acharem melhor, seja para vender ou seja para comer”, disse.

Os alevinos representam pouca coisa a curto prazo. Mas, para daqui há cerca de cinco meses, a previsão é animadora. “Os peixes devem estar pesando cerca de meio quilo. Você soma isso pela quantidade de filhotes depositados, representa cerca de 30 toneladas de peixes que vão estar nesses açudes”, garante o secretário de Pesca.